Séries Infosol: Missões – III

PAIXÃO POR MISSÕES

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura”, Marcos 16.15.

Por Ivonete Lopes

Leia a Parte I e Parte II desta série.

Quando pensamos em missões, pensamos na proclamação do evangelho em todo o mundo, conforme nos manda o Senhor Jesus Cristo – “Ide por todo o mundo…”  Ir continuamente, movendo-se na direção certa, aproveitando cada oportunidade.

A obra de missões começa onde estamos e vai conosco à medida que nos movemos. Todo crente deve ser um apaixonado por missões, a ponto de, à semelhança dos apóstolos, quando foram proibidos de falar no nome de Jesus, responderam com toda a naturalidade, “não podemos deixar de falar do que temos visto e ouvido”, At 4.20.

Missões é invenção de Deus. Jesus Cristo veio ao mundo como missionário de Deus, para fazer conhecido o plano de Deus para a humanidade. Jesus era tão apaixonado pela obra de Deus que chorou ao ver a miséria espiritual de Jerusalém, Lc 19.41; viu as multidões como “ovelhas sem pastor” e teve compaixão delas, Mc 6.34. E é este Jesus que nos manda ir, continuando assim, a obra iniciada por Ele.  “Assim como o Pai me enviou, eu também vos envio”, Jo 20.21.

IR AO MUNDO DESCONHECIDO

Todo o mundo. Onde quer que haja uma alma é do interesse de Deus que ela conheça a boa nova. Dos Himalaias às florestas da América do Sul; os povos que vivem no interior da África e da Ásia; as grandes populações urbanas da Europa.

Dizem os missiólogos que, diariamente, morrem mais de 55 mil pessoas que não conhecem a Cristo. Quem sabe, algumas tão próximas de nós. Agora as Agências Missionárias se voltam para aquilo que é considerado o “desafio missionário do século” – a Janela 10/40 (10º e 40º ao norte da linha do Equador). E por quê?

  • Porque é lá onde vive o maior número de povos não evangelizados. Trata-se de 1/3 da área total do planeta e quase 2/3 da população do mundo. São quase 3 bilhões de pessoas em 62 países. Dos 50 países menos evangelizados do mundo, 37 estão na Janela 10/40.
  • Porque é ali onde se concentram as três maiores religiões não cristãs – o islamismo, o hinduismo e o budismo.
  • Porque é onde há mais carência material. De cada 10 pobres, 8 estão nessa e só 8% da força missionária trabalha entre eles.
  • Porque é conhecida como “a fortaleza de Satanás” – miséria, fanatismo, idolatria, feitiçaria, doenças, guerras…
  • Porque Deus, em sua misericórdia, quer alcançar essa janela e precisa do seu povo. Orações, contribuições, disposição em ir.

IR AO MUNDO CONHECIDO

Os países considerados ricos estão em grande miséria espiritual. As grandes cidades, com os seus milhões de habitantes, precisam ser despertadas pelo evangelho, e compete à igreja descobrir a melhor maneira de alcançar as populações urbanas que são um grande desafio missionário.

  • O homem de negócios precisa ouvir o evangelho. Quem é responsável por isto?
  • As comunidades migrantes, e temos muitas no Brasil, também precisam ser alcançadas. De quem é a responsabilidade?
  • O que as igrejas estão fazendo para alcançar os marginalizados?

Missões é tarefa da igreja. A igreja realiza missões onde está e realiza missões quando envia e sustenta os que vão. E há um mundo inteiro a ser conquistado. O interesse de Deus é que todos conheçam a boa nova, tanto os que vivem nas áreas mais miseráveis do globo, como os habitantes das grandes cidades, que pensam ter tudo, mas vivem mergulhados em grande miséria espiritual. Nada pode substituir Jesus Cristo na vida dessas pessoas.  O evangelho é “o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê”. Jesus o entregou à sua igreja para que o proclamasse a toda criatura. Estamos obedecendo à ordem do mestre?

Anúncios

Seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s