Estímulo a estudo bíblico tem sido desprezado. A ênfase está em atividades

Este assunto não tem o destaque que deveria ter nas igrejas. Em síntese, as pessoas não são estimuladas a buscarem, por conta própria, um maior conhecimento bíblico. Ao invés disso, o destaque fica em promover a participação em todas as reuniões possíveis que a igreja mantém.

Venha à EBD (Escola Bíblica Dominical), venha domingo à noite, não deixe de vir também às reuniões de oração e participe das programações de jovens, adultos, mulheres etc.

Participar dos cultos e reuniões é muito bom e fundamental para um crente, mas o estudo bíblico pessoal (meditação) não pode ser preterido. Entretanto, é justamente isso que ocorre.

Você costuma ver, por exemplo, campanhas organizadas incentivando o estudo pessoal? Por outro lado, se investe fortemente em campanhas para eventos (de jovens, adultos e outras); não faltam avisos no domingo à noite, no informativo da igreja e na internet.

Novamente lembro que essas atividades são importantes, todavia o que produz crescimento pessoal progressivo e, consequentemente, da igreja, é o tempo gasto, individualmente, meditando na Palavra.

E por que meditar nas Escrituras é necessário?

A única forma de absorver os princípios de Cristo para aplicar no nosso dia a dia é nos aculturando ao cristianismo. E o modo legítimo de aculturação cristã é por meio da Bíblia, da obediência a Deus e do serviço às pessoas.

No próximo post vamos abordar de maneira prática como meditar na Bíblia. [Obs: o post já foi publicado: clique aqui]

Até o próximo!

Anúncios

About Francisco Eliciano

Francisco Eliciano é graduado em Administração de Empresas. É membro de Igreja Batista em Teresina-PI. Dá muito valor ao estudo bíblico. Sobretudo, ele é servo de Jesus Cristo. Escreve no Infosol desde 2008 juntamente com uma galera fantástica. Também colabora com o 'Ideias que Conecatm' uma página no facebook (facebook.com/iqconectam).

There are 9 comments

  1. Juliana

    Eu ando pensando muito nisso… Na igreja que frequento, apesar de estar há alguns meses sem ir – shame on me! – eu falo muito sobre incentivar o estudo bíblico crítico e aprofundado, mas aparentemente a maioria das pessoas quem só o oba-oba, a ‘pressão’ e nada de sentar e estudar o que a Palavra nos traz. Os eventos, as atividades na igreja, acabam lotando, muitas vezes, porque o que é divulgado como ‘chamariz’ é a comida, a música, o agito social (principalmente quanto ao pessoal mais jovem). É uma pena que o conhecimento bíblico esteja sendo tão desprezado atualmente…

    Curtir

Seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s