Lilith: A primeira feminista do mundo é um demônio

Lilith
Porque o pensamento feminista moderno tem origem demoníaca
♦ IMAGEM DE ABERTURA: CREATIVE COMMONS (CC BY-SA 2.0) ♦

O que aqui chamaremos de Novo Feminismo é um movimento relativamente recente. Neste movimento, as mulheres não lutam para ser iguais aos homens, mas para serem piores que eles. Nisto, toda a depravação sexual que é “normal” ao universo masculino, que antes vinha sendo escondida da maioria das mulheres, virou prática venerável, libertadora e necessária às mesmas.

(Este movimento não é novo, ainda que tenhamos alcunhado-o como “Novo”; suas particularidades são bem próximas ao comportamento de Lilith, um demônio do sexo feminino, tido na mitologia como o primeiro demônio criado pelo diabo).

Como consequência direta, vemos um aumento enorme de adolescentes grávidas, e outras que chegam ao suicídio após experimentarem um pouco do liberalismo para logo após serem alvos de um ódio falso-moralista da sociedade.

Outras consequências tão ruins quanto as já citadas – às vezes sendo até consequências delas – são o aborto, a perda da inocência de nossos jovens (em idades cada vez mais infantis) e um pensamento extremista que chega a sugar inteligência das feministas.

Montagem Protesto Pro-Aborto

CC BY-SA 2.0 (•Imagens: Cintia Barenho • Montagem: Infosol•) Flashmob em Porto Alegre-RS pró-aborto.

Continua página dois

Anúncios

About Evandro J.R. Silva

É Doutorando em Ciência da Computação. Convertido desde os 6 anos de idade, a partir dos 15 anos começou a ler e estudar a Bíblia autodidaticamente. É membro de uma Igreja Batista. Gosta bastante de jogos eletrônicos e de ler, principalmente sobre apologética e literatura fantástica. Tem como gosto musical preferido o metal sinfônico.

There are 11 comments

  1. jen

    Vc sabe pq mulheres e crianças se salvam primeiro? Não é pq a mulher é frágil, muito pelo contrário, primeiro pq teoricamente a mães são poupadas para criarem filhos (meninos e meninas), segundo que uma conta progressiva de repovoamente, necessita se de mais mulheres do que homens em uma situação de caos estabelecido, um homem pode engravidar varias mulheres, mas no geral uma mulher gera um ou dois seres humanos (isso é biologia básica, né?). Seu texto é muito fantasioso, partindo do princípio que mitos bíblicos são reais, o que tira qualquer embasamento. Outra questão, existem mulheres em zonas de guerra, sim. Na América é livre arbítrio, em Israel é secular o ingresso feminino em combate. Muito vago, mas para que acredita em gente andando sobre as águas está super bem escritinho. Mas quando escrevemos algo ficcional é usual denotar a intenção, pois é fato que não abriu nem o google para embasar seus argumentos.

    Curtir

    1. Evandro J.R. Silva

      Olá Jenniffer, obrigado pelo seu comentário, quase completamente sem sentido, mas bastante ressentido. Vou rebatê-lo em partes.

      1.

      Vc sabe pq mulheres e crianças se salvam primeiro? Não é pq a mulher é frágil, muito pelo contrário, primeiro pq teoricamente a mães são poupadas para criarem filhos (meninos e meninas), segundo que uma conta progressiva de repovoamente, necessita se de mais mulheres do que homens em uma situação de caos estabelecido, um homem pode engravidar varias mulheres, mas no geral uma mulher gera um ou dois seres humanos (isso é biologia básica, né?)

      Não faz muito sentido o que você disse sobre o porquê de mulheres e crianças serem salvas primeiro. Na verdade faz sentido somente em situação de caos nacional, ou mundial, i.e., guerra ou catástrofe natural. Agora imagine um navio afundando. Se morrerem todas as passageiras daquele navio, ainda existirão outras milhões em terra. Quanto às crianças, faz todo o sentido salvar vidas que ainda mal pisaram neste mundo, em qualquer situação.

      2.

      Seu texto é muito fantasioso, partindo do princípio que mitos bíblicos são reais, o que tira qualquer embasamento.

      De mitologia citei apenas a judaica e suméria, onde a personagem Lilith está presente, e em nenhum momento afirmei a veracidade de tal mito. Antes, deixei claro de que é apenas um mito muito peculiar pela semelhança às feministas contemporâneas. Além do seu ataque à religião cristã, mais especificamente ao livro sagrado da referida religião, é possível notar um farto ressentimento, pulsante de ódio. Recomendo que você reveja essas ideias, releia o texto com mais calma, e seja mais tolerante — diferentemente das moças do Femen.

      Ainda assim, o texto está razoavelmente documentado com fotos dos atos ridículos das meninas do Femen. Só porque as comparei a uma personagem de uma mitologia, o ato delas (que foi reportado por todo o mundo) perdeu o embasamento? Ainda, sobre a questão da Suécia, se você procurar você vai ver que as feministas por lá estão pirando mesmo!

      3.

      Outra questão, existem mulheres em zonas de guerra, sim. Na América é livre arbítrio, em Israel é secular o ingresso feminino em combate

      Em nenhum momento afirmei que não existem mulheres combatendo em guerras. No mundo inteiro, normalmente elas são poupadas do serviço militar obrigatório, por questões biológicas e sociais. Vários países, inclusive o Brasil aceitam a adesão voluntária de mulheres nas forças armadas. Em Israel, entretanto, um país cercado de vizinhos que deixam claro que destruirão aquele país por completo se tiverem a oportunidade, é mais do que óbvia a necessidade de preparar a população inteira para o caso de uma guerra total. E ainda assim, lá as mulheres são obrigadas a servir um ano a menos que os homens.

      4.

      Muito vago, mas para que acredita em gente andando sobre as águas está super bem escritinho. Mas quando escrevemos algo ficcional é usual denotar a intenção, pois é fato que não abriu nem o google para embasar seus argumentos.

      Poxa, peço desculpas, pois pelo visto o texto se mostra bastante difícil para ser interpretado por feministas. Pensei que a quantidade de fotos desse pra ajudar a entender. Contudo, ainda que não fossem embasados, ao menos eu apresentei argumentos!

      Por fim, vou orar por você, pela sua vida, para que a misericórdia e o amor de Deus te alcance, e você se liberte desse ódio e pensamento tão nocivos. Uma dica, não curse humanas em federal, senão você pode sair pelada, peluda, latindo e cagando pela rua (isso acontece de verdade!). A minha vontade é que você possa se tornar um exemplo de uma pessoa digna, e não uma piada nacional.

      Curtir

  2. waldesio

    estas feministas descritas podem até serem umas palhaças com argumentos e atitudes esdruchulas, mas o feminismo consciente é um movimento digno sim… O machismo é o grande câncer da humanidade, dele partem outros males horriveis que fazem o feminismo virar fichinha

    Curtir

    1. Evandro Rocha e Silva

      Se não foram descritas as “feministas conscientes”, logo é claro que a crítica se resume somente às feministas palhaças que você citou. E apesar de muita coisa ruim ter acontecido por causa do machismo, muita coisa boa também foi feita. Por exemplo, como o machismo considera a mulher como uma pessoa mais frágil, em todo sistema de evacuação, as mulheres, juntamente às crianças, têm preferência de serem salvas. Além disso, quando acontecem guerras, os homens machistas é que vão lutar e enfrentar a morte para defender seus lares e suas mulheres. Machismo tem seu lado ruim e feio, mas discordo de ser este o grande câncer da humanidade!

      Curtir

  3. waldesio

    é claro que todos que concordam com este artigo aprecia aquela figura feminina que tudo aceita, baixa a cabeça pra todo tipo de extremismo machista e reconhece ter vindo ao mundo com uma posição inferior….por favor viu..cada coisinha na internet

    Curtir

    1. Evandro Rocha e Silva

      Não sei dizer pelos outros, mas eu, como autor, não aprecio a figura feminina que você descreveu. Então é claro que nem todos que concordam com este artigo apreciam tal figura. Recomendo que você releia o texto para conseguir entender o que está escrito nele!

      Curtir

  4. Evanio

    Muito bom esse artigo! É de leitura obrigatória tanto para mulheres, quanto para homens. Descreve o papel excelente que Deus reservou às mulheres. Texto sensato que me abriu os olhos para uma verdade que não conseguia enxergar em relação a esse movimento feminista moderno, cujo propósito é humilhar o gênero feminino, fazendo-o trilhar o mesmo caminho de depravação e degeneração física e espiritual que muitos homens seguiram ao longo dos séculos. Querem fazer as mulheres descerem a um lamaçal muito pior do que os homens perdidos.

    Curtir

Seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s