Os Miseráveis, uma história de amor e perdão

Jean Valjean Perdoa seu Maior Inimigo
Montagem 2

Jean Valjean e Javert.

Javert se disfarça para espionar os revoltosos, mas é reconhecido e preso. E ele é entregue a Jean Valjean, para ser morto.

Chegamos então ao próximo exemplo cristão de ser. Jean Valjean perdoa Javert mesmo depois de viver vários anos precisando fugir e ficar sempre em alerta. Jean alega que o policial estava apenas tentando cumprir seu dever e por isso não deveria ser alvo de seu ódio e merecia ser poupado com vida. Assim Javert é liberado, e Jean sabe que está correndo o risco de continuar vivendo em fuga.

Neste ponto, não consigo pensar em outra passagem, senão nas palavras de Jesus:

“Vocês ouviram o que foi dito: ‘Olho por olho e dente por dente’. Mas eu lhes digo: Não resistam ao perverso. Se alguém o ferir na face direita, ofereça-lhe também a outra. E se alguém quiser processá-lo e tirar-lhe a túnica, deixe que leve também a capa. Se alguém o forçar a caminhar com ele uma milha, vá com ele duas. Dê a quem lhe pede, e não volte as costas àquele que deseja pedir-lhe algo emprestado. Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo e odeie o seu inimigo’. Mas eu lhes digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos do seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre mais e bons e derrama chuva sobre justos e injustos. Se vocês amarem aqueles que os amam, que recompensa terão? Até o publicanos fazem isso! E se vocês saudarem apenas os seus irmãos, o que estarão fazendo de mais? Até os pagãos fazem isso! Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o Pai celestial de vocês”. (Mateus 5:38-48).

Ao perdoar e liberar Javert, Jean cumpre com perfeição o ensinamento de Cristo, mostrado no parágrafo acima. E assim devemos todos nós cristãos praticar.

Javert vê seu Orgulho Esmagado pelo Perdão

A história continua, e em seguida Javert não aceita ter sido perdoado por Jean; o seu orgulho foi por demais ferido, pois aquele a quem ele perseguiu durante anos, o deixa em paz justamente quando o tinha em suas mãos para sua vingança. Javert não se contém e se joga no rio. Neste ponto podemos enxergar milhares de pessoas que achando seus delitos e pecados imperdoáveis, rejeitam o perdão de Deus, ainda que este esteja sendo oferecido de graça.

O Perdão de Deus

Portanto, queridos leitores, temos hoje um bom tema para meditarmos. Como e onde posso fazer para seguir os passos de Jean Valjean, assim como ele seguiu os passos de Jesus? E você que ainda não é cristão, deixará a culpa e talvez o orgulho sobrepujar a graça e o perdão de Deus que te é oferecido? Lembre-se, não importa o pecado que você cometeu, e nem o quanto você o cometeu. O que importa é se você aceita ou não o perdão de Deus agir em sua vida, de maneira a ser transformado, como foi transformado o coração de Jean Valjean.

Anúncios

About Evandro J.R. Silva

É Doutorando em Ciência da Computação. Convertido desde os 6 anos de idade, a partir dos 15 anos começou a ler e estudar a Bíblia autodidaticamente. É membro de uma Igreja Batista. Gosta bastante de jogos eletrônicos e de ler, principalmente sobre apologética e literatura fantástica. Tem como gosto musical preferido o metal sinfônico.

There are 14 comments

Seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s